Vem aí o segundo Hackathon em Saúde da Fundação Oswaldo Cruz

As inscrições estão abertas, entre 16/10 a 10/11. Durante a maratona, eles irão compor equipes em busca de soluções que possam aperfeiçoar processos ou resolver desafios vividos no cotidiano do Sistema Único de Saúde, o SUS. Para isso, vão produzir protótipos originais e inovadores para quatro temas diferentes, que já foram selecionados numa etapa anterior, a partir de um edital interno. Mas esses temas só serão divulgados quando o edital do evento for publicado – uma medida de segurança para garantir o ineditismo do que será produzido.

Conheça o resultado final da seleção de desafios para o Hackathon em Saúde 2019

A organização do Hackathon em Saúde informa que foi finalizado o prazo para interposição de recursos relativos ao resultado de classificação das propostas de desafios para evento sem nenhum pedido de recurso recebido. Desta forma, considera-se a relação de classificação publicada anteriormente como o resultado final dos desafios selecionados para o Hackathon.

Número de Inscrição Nome do proponente Unidade
1032019 Paulo Redner Escola Nacional de Saúde Pública (ENSP)
922019 Gabriel da Luz Wallau Fiocruz Pernambuco
452019 Claudio Manuel Rodrigues Centro de Desenvolvimento Tecnológico em Saúde (CDTS)
482019 Valeria Machado da Costa Instituto de Comunicação e Informação Científica e Tecnológica em Saúde (ICICT)

 

 A avaliação foi realizada por um grupo multidisciplinar de 11 avaliadores, respeitando critérios de diversidade de perspectivas sobre as propostas. Cada proposição foi avaliada de forma anônima, sendo considerada apenas as informações descritivas dos problemas e soluções inscritas.

Para as próximas etapas do Hackathon, os proponentes contemplados serão contactados sobre como será o processo do Pré-Hackathon e Hackathon, dos quais deverão participar como mentores*. Em caso de indisponibilidade em acompanhar e participar das etapas, serão convidados os desafios suplentes, por ordem de classificação, respeitando-se a divisão de três (03) projetos de unidades da Fiocruz e  um (01) projeto do Icict/Fiocruz.

Acompanhe todas as novidades do Hackathon em Saúde 2019 em nosso site.

A Comissão Organizadora.

Resultado da Classificação dos Desafios

A seleção de desafios para o Hackathon levou em consideração critérios de clareza dos objetivos, relevância, aplicabilidade ao público-alvo, viabilidade da proposta, potencial de desdobramentos e difusão, originalidade e proposta de inovação para o Sistema Único de Saúde.

As notas estão divulgadas na íntegra, sendo considerada a média das notas totais recebidas, desconsiderando-se a maior e menor nota de cada projeto, como medida de minimização das variabilidades. 

Ultima semana para inscrição de desafios para o Hackathon em Saúde 2019

Você, trabalhador ou bolsista da Fiocruz, tem alguma ideia que envolva tecnologia e que possa melhorar o SUS? Que tal mostrar essa ideia a times reunidos numa maratona tecnológica, que podem transformá-la em realidade? Já estão abertas as inscrições de propostas para o Hackathon em Saúde 2019, um grande desafio que busca desenvolver soluções inovadoras para ajudar o dia a dia do SUS.

A chamada, feita pelo Instituto de Comunicação e Informação Científica e Tecnológica em Saúde (Icict), é para toda a comunidade Fiocruz. A ideia é captar propostas que lidem com desafios de informação e comunicação no âmbito do SUS, considerando seus princípios fundamentais: universalidade, integralidade e equidade.

Não é preciso ser especialista em tecnologia para participar. Basta ter uma ideia. A partir dela, grupos de desenvolvedores de software, designers e outros profissionais relacionados à área de programação vão lançar mãos à obra.

Você, que tem uma boa ideia e interesse em contribuir para a busca de soluções tecnológicas para o SUS, inscreva sua proposta, venha participar!

 

Chamada pública

 

Apresentação

O edital do Hackathon em Saúde 2019 selecionará  propostas de desenvolvimento de aplicativo móvies que devem atender aos três princípios fundamentais do SUS: Universalidade, Integralidade e Equidade, considerando inovações socioculturais e relacionando-os à informação e comunicação no campo da Ciência, Tecnologia e Inovação em Saúde que constitui uma das missões do Icict.  

 

Documentos para dowload

Páginas

Subscrever Hackathon em saúde RSS